Vem aí o TwitterBank? Elon Musk revela planos de conta digital, além de vídeos pagos na rede


Os planos de Elon Musk para o Twitter parecem cada vez mais audaciosos. O novo chefe da plataforma revelou que, no futuro, pretende incorporar um sistema de contas digitais à rede social. Primeiros passos do projeto começariam com a inserção de vídeos pagos no microblog, o que, gradualmente, ajudaria a incorporar um movimento de transações monetárias no serviço.

Twitter (Imagem: Vitor Pádua/Tecnoblog)

As novidades foram anunciadas por Musk na última quarta-feira (9), quando o magnata se reuniu com anunciantes da plataforma pelo Twitter Spaces. Segundo o bilionário, um de seus grandes objetivos é transformar a rede social em um “aplicativo de tudo”, o que incluiria também a opção de realizar transações monetárias por meio de uma conta digital na rede.

O sistema funcionaria de maneira parecia com o que temos hoje no PayPal. Empresa que, curiosamente, nasceu da fusão entre as companhias Confinity e X.com – essa última um banco digital criado por ninguém menos do que o próprio Elon Musk.

Apesar da expertise no assunto, o dono da Tesla terá um longo caminho a percorrer, o que deve começar com o lançamento de vídeos pagos na plataforma.

A ferramenta, que já havia sido divulgada pelo The Washington Post, foi confirmada como um dos novos focos da rede social e, se der certo, tem tudo para desenvolver os primeiros passos desse sistema monetário.

Twitter adere ao mercado de vídeos

O recurso anunciado permitirá que criadores de conteúdo cobrem para o desbloqueio de vídeos postados. O valor do tweet será escolhido pelo próprio criador, que terá as opções de US$ 1, US$ 2, US$ 5 ou US$ 10 para monetizá-los.

Graças a essa ferramenta, os criadores gradualmente contarão com um saldo de caixa na plataforma, o que começará a ajudar no estabelecimento de um sistema de contas bancárias.

Mulher com celular na mão (Imagem: Foto de Tofros.com no Pexels)

Outra importante consequência trazida pelo recurso são as mudanças tecnológicas trazidas à plataforma, que deve se debruçar em oferecer um melhor suporte de vídeos e, naturalmente, aproximar o aplicativo de ferramentas como o TikTok e o Instagram Reels.

Conta digital com rendimentos

A longo prazo, a ideia de Elon Musk é que o dinheiro de saldo do Twitter possa ser transferido para contas digitais regulares, mas também utilizado dentro da própria plataforma. Dessa forma, um usuário poderia transferir dinheiro para outros perfis da rede e até ganhar bonificações vindas da empresa.

Outro ponto levantado por Musk é a possibilidade de, ainda mais no futuro, o Twitter implementar altas taxas de rendimento na conta digital. Uma forma de atrair o público que não tem saldo em conta, mas encontraria assim vantagens para colocar dinheiro no sistema da plataforma.

“TwitterBank” (Imagem: Mohamed Hassan/Pixabay)

Com integração ao cartão de débito e até cheque, o “TwitterBank” pode ser um dos grandes novos passos da plataforma, após as mudanças ocorridas no Twitter Blue. Mas, assim como outros experimentos abandonados por Musk nesse curto espaço de tempo, pode também ser reformulado ou nem mesmo sair do papel.

Com informações: TechCrunch e The New York Times

Vem aí o TwitterBank? Elon Musk revela planos de conta digital, além de vídeos pagos na rede


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *