Produção de iPhone pode cair em 30% devido a lockdown em fábrica chinesa


A China definiu novas ações para interromper a propagação de Covid-19, o que não agrada parte de seu povo. Assim, as medidas estão afetando até mesmo a produção de iPhones, já que um reporte indica que a maior fábrica da Apple no país está sofrendo um lockdown. Como consequência, a produção do smartphone pode cair em até 30%, atrasando o envio do gadget para diversos países.

iPhone 14 Pro Max (Imagem: Unsplash / Victor Serban)

As informações foram primeiramente divulgadas pelo Reuters, através de uma fonte familiarizada com o tópico, mas que preferiu não se identificar.

Segundo ela, uma das fábricas da Foxconn (previamente chamada de Hon Hai Precision Industry Co Ltd) está em lockdown atualmente. Isso estaria afetando a montagem dos celulares da maçã, podendo diminuir em até 30% a produção dos gadgets.

Vale destacar que a companhia produz cerca de 70% dos iPhones mundiais em países como Taiwan e Índia, mas é na China onde há a maior concentração de fabricação.

Além disso, a usina de Zhengzhou emprega cerca de 200 mil funcionários. De acordo com o relato, esses profissionais estão bastante descontentes com as medidas do país para impedir a disseminação do vírus.

Aparentemente, ocorreram situações nas quais os empregados fugiram do local no fim de semana, tudo isso após passarem dias trancafiados nas instalações da fábrica devido ao lockdown.

A Foxconn estaria redirecionando boa parte da manufatura para uma empresa na cidade de Shenzhen para tentar alcançar os objetivos de produção. No domingo (30), a companhia afirmou que estava retomando o controle e coordenando para o retorno total dos trabalhos.

Produção de iPhone pode cair em 30% devido a lockdown em fábrica chinesa


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *