YouTube libera modo PiP para mais usu√°rios de iPhone e admite demora ūüźĆ

YouTube libera modo PiP para mais usu√°rios de iPhone e admite demora ūüźĆ

Demorou, mas parece que finalmente vai chegar. O YouTube anunciou que o picture-in-picture estar√° dispon√≠vel para todos os usu√°rios do YouTube Premium no iOS. O modo permite ver v√≠deos em uma janelinha suspensa, enquanto voc√™ o uso de outros apps. At√© ent√£o, o recurso estava em testes para alguns usu√°rios ‚ÄĒ e a pr√≥pria empresa confessa que isso levou mais tempo do que deveria.

Como usar o modo Picture-in-Picture no iPhone ou iPadO que é e como funciona o YouTube Premium? [Vantagens em assinar]YouTube (Imagem: Vitor Pádua/Tecnoblog)

A novidade foi publicada em um post na comunidade. ‚ÄúO picture-in-picture (PiP) est√° sendo distribu√≠do para iPhones e iPads nos pr√≥ximos dias‚ÄĚ, escreve o funcion√°rio da empresa.

‚ÄúN√≥s reconhecemos que foi uma libera√ß√£o lenta para uma fun√ß√£o muito desejada‚ÄĚ, diz a publica√ß√£o. ‚ÄúQueremos agradecer a todos que enviaram feedback durante os testes e aguardaram pacientemente por este momento.‚ÄĚ

Usar o PiP √© bem simples. Primeiro, coloque um v√≠deo para tocar no YouTube. Depois, saia do app. Uma janela suspensa aparecer√° na tela. √Č poss√≠vel redimension√°-la, mov√™-la e at√© mesmo ocult√°-la, empurrando para uma das laterais.

it’s happening! picture-in-picture is slowly rolling out for YouTube on iPhone & iPad, & just like on Android, will be avail to:

Premium members globally &
non-Premium members in US (non-music only)

it’s been a long time coming all the details https://t.co/mNbPWWE21n pic.twitter.com/ZeBY48KOhH

‚ÄĒ TeamYouTube (@TeamYouTube) July 11, 2022

O recurso era aguardado desde o iOS 14, quando iPhones e iPads passaram a ter suporte ao picture-in-picture. Os testes come√ßaram h√° mais de um ano. Quem recebeu a ferramenta precisava ativ√°-la nas configura√ß√Ķes do app.

Alguns usuários até estranharam a notícia do lançamento para todo mundo, por ter acesso há muito tempo. Outros receberam a função, mas ela desapareceu depois de um tempo, enquanto alguns continuam sem o recurso até agora.

Um jeito de contornar essa limitação era acessar o YouTube pelo Safari. Usando o navegador, era possível ativar o PiP, sair do site e continuar assistindo ao vídeo.

Já no Android, o picture-in-picture é uma realidade desde 2018.

Só para assinantes

No Brasil, é necessário assinar o YouTube Premium para usar o picture-in-picture. O pacote custa R$ 20,90 por mês e tem como principal atrativo remover propagandas do site.

Al√©m disso, ele inclui o servi√ßo de streaming musical YouTube Music, downloads de v√≠deos para reprodu√ß√£o offline e conte√ļdos exclusivos do YouTube Originals.

Nos EUA, o PiP √© liberado para todos os usu√°rios, mas n√£o funciona em conte√ļdos musicais.

Com informa√ß√Ķes: The Verge, MacMagazine.

YouTube libera modo PiP para mais usu√°rios de iPhone e admite demora ūüźĆ


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.