Android 13 Tiramisu: as principais novidades da nova versão do sistema

Android 13 Tiramisu: as principais novidades da nova versão do sistema

A primeira prévia surgiu em fevereiro, mas foi no evento Google I/O 2022 que o Android 13 Tiramisu foi anunciado oficialmente. A nova versão do sistema operacional traz uma série de pequenas novidades. Juntas, elas prometem melhorar a experiência do usuário com diversos recursos. Confira as principais novidades nas próximas linhas.

Como acelerar animações do AndroidComo transferir dados de um Android para outro [configurar novo]Android 13 Tiramisu (imagem: Guilherme Reis/Tecnoblog)

Comecemos por um detalhe que você deve ter notado. Sim, o codinome do Android 13 é Tiramisu, aquela sobremesa de origem italiana que leva biscoitos de champanhe e café.

É verdade que o Google não dá mais tanta importância a codinomes com nome de doce, razão pela qual é pouco provável que “Tiramisu” apareça em materiais de marketing do Android. Apesar disso, o nome está lá.

Mas vamos ao que mais importa: os detalhes funcionais, alguns dos quais foram apresentados no Android 13 Developer Preview 1 (Android 13 DP1).

Modo convidado mais útil

Faz tempo que o Android tem um modo de convidado que, como tal, permite a uma pessoa utilizar o celular de outra, mas sem ter acesso aos dados do dono. A versão 13 do sistema operacional torna essa função mais útil ao possibilitar que, ao criar um perfil de usuário convidado, você defina quais aplicativos estarão disponíveis para ele.

Naturalmente, o convidado terá que fazer login com as suas próprias credenciais nos apps que você autorizar.

Escolhendo apps em perfil de convidado (imagem: reprodução/Esper)

Área de transferência que se esvazia sozinha

O Android 13 introduz uma função que pode esvaziar a área de transferência (clipboard) automaticamente a cada hora. Por quê? Bom, muitos aplicativos acessam o clipboard sem você perceber. Com o esvaziamento automático, as chances de algum dado pessoal ser acessado indevidamente por um deles diminui.

O que é área de transferência?

Além disso, esse recurso pode impedir que você cole informações velhas em uma conversa, por exemplo. Mas, se a ideia não te convenceu, não se preocupe: o esvaziamento só funciona se você não tiver copiado nada nos últimos 60 minutos e vem desativado por padrão.

Painel de privacidade de sete dias

Talvez o Android 12 seja a versão da plataforma que mais jogou luz sobre a privacidade. O Android 13 deve continuar essa missão ao, por exemplo, expandir o painel de privacidade: a função será capaz de exibir quais recursos do aparelho (como câmera e microfone) foram usados nos últimos sete dias — atualmente, esse intervalo é de apenas 24 horas.

Painel de privacidade no Android 13 Tiramisu (imagem: reprodução/Esper)

Quick Tap agora com lanterna

O Quick Tap é um recurso introduzido no Android 12 que permite ativar rapidamente o Google Assistente ou fazer captura de tela, por exemplo, com dois toques rápidos na traseira do smartphone (você seleciona uma das várias funções disponíveis).

No Android 13, o recurso vai receber um pequeno incremento: a possibilidade de, com esses toques rápidos, a lanterna ser ativada.

Trata-se de um recurso interessante, pois o Quick Tap usa aprendizagem de máquina e acelerômetro para detectar o movimento. Só é uma pena essa funcionalidade estar limitada à linha Google Pixel, pelo menos por enquanto.

Visual mais personalizável

Se a nova versão de um sistema operacional não tiver novidades visuais, mesmo que discretas, fica parecendo que nada mudou. No Google I/O 2022, a companhia confirmou alguns atributos estéticos novos no Android 13.

Personalizar as cores dos ícones dos aplicativos é um exemplo. De modo complementar, o usuário poderá extrair cores do papel de parede em uso por meio de uma ferramenta de paletas para ajustar a aparência do sistema com mais precisão.

Esses e outros aspectos visuais têm ligação com o Material You, linguagem de design do Google.

Vale destacar que trabalhar no visual não quer dizer que a acessibilidade ficou de lado. O Android 13 vai trazer suporte melhorado a dispositivos braile, por exemplo.

Material You ganha incrementos no Android 13 (imagem: divulgação/Google)

Atalho para leitura de QR Code

Alguns fabricantes adicionam uma opção para leitura de QR Code entre aqueles botões de acesso rápido que aparecem quando abrimos a área de notificações. Pois bem, o Android 13 deverá trazer esse atalho como recurso nativo.

Não é só isso: também haverá por ali uma opção nativa para ativar o modo de navegação com uma mão só.

Acesso rápido a QR Code no Android 13 Tiramisu (imagem: reprodução/Esper)

Controle de mídia com visual renovado

Ok, apenas ligeiramente renovado. Mas não deixa de ser uma novidade: o Android 13 mostra que o widget do reprodutor de mídia está maior e tem um botão play/pause mais pronunciado no canto direito. O widget também mostra uma barra de progresso com informações sobre a faixa que está sendo reproduzida.

Sim, ficou faltando uma imagem da capa do álbum, mas, provavelmente, esse recurso será inserido na ferramenta em atualizações futuras.

Player no Android 12L à esquerda, player no Android 13 à direita (imagem: reprodução/Esper)

Media Tap To Transfer

O Android 13 também tem referências para uma novidade chamada Media Tap To Transfer (ainda sem tradução para o português). Trata-se, aparentemente, de uma função que permite a um celular ou tablet transmitir música para um dispositivo compatível (como um alto-falante ou uma smart TV) de modo mais rápido e fácil.

Como? Quando os dois dispositivos ficarem próximos, o Android 13 exibirá uma opção que permite que o usuário ative a transferência com um simples toque. Tende a ser algo similar ao modo Handoff do HomePod.

Escolha o idioma de cada aplicativo

Quando você escolhe um idioma no Android, essa configuração vale para todo o sistema, a não ser que você defina uma língua diferente nos aplicativos que têm essa função.

No Android 13, será possível definir o idioma preferido para cada um dos apps instalados (desde que eles tenham suporte a múltiplas línguas, é claro). Se nada for escolhido, o aplicativo seguirá o idioma definido para o sistema operacional.

Experiência melhorada em tablets (finalmente?)

Quem tem um tablet Android sabe que, não raramente, os aplicativos disponíveis para a plataforma não aproveitam todo o potencial de uma tela grande. O Google prometeu melhorar a experiência de uso desses dispositivos. O Android 13 deve facilitar a divisão da tela para dois aplicativos ficarem em primeiro plano, por exemplo.

Além disso, mais de 20 aplicativos do próprio Google terão suas interfaces otimizadas para tablets, a exemplo do YouTube Music, Google Maps e Gmail. Essa mudança também deve beneficiar outras versões do sistema operacional.

Google vai otimizar apps em tablets Android (imagem: divulgação/Google)

Mais detalhes sobre a bateria

O Android 13 vai ser capaz de te avisar quando um aplicativo estiver usando a bateria de modo excessivo, em segundo plano. Além disso, a nova versão do sistema monitorará como apps são executados para, se necessário, limitar o agendamento de tarefas por parte deles.

Aparentemente, essa medida é uma tentativa de coibir abusos no consumo de recursos.

Ainda sobre a bateria, o sistema vai limitar a API de alarmes para controlar os apps que usam essa função. Trata-se de uma forma de aumentar a autonomia do componente.

Painel de segurança e privacidade

Segurança e privacidade são assuntos recorrentes. E tem que ser assim! O Android 13 não é exceção. O sistema operacional vai ter mais de 30 componentes atualizados via Google Play e vai usar a linguagem de programação Rust (mais segura e moderna) em mais partes críticas, por exemplo.

Esses esforços incluem um novo painel de segurança e privacidade. A ideia é permitir que o usuário confira rapidamente o status de proteção do seu celular e receba orientações claras sobre como melhorar esse aspecto. Um aplicativo está acessando informações pessoais indevidamente? Essa área será capaz de alertar sobre isso.

Área de segurança e privacidade do Android 13 (imagem: divulgação/Google)

Android 13 chega no segundo semestre

Se você estiver se perguntando quando terá acesso ao novo sistema operacional, saiba que é preciso ter um pouco de paciência. Como de hábito, a versão final do Android 13 só deve ser liberada no segundo semestre.

Para desenvolvedores e entusiastas, vale destacar que a segunda versão beta do Android 13 foi liberada em maio, embora funcione apenas em determinados smartphones.

Com informações: Android Police, XDA Developers, Esper.

Android 13 Tiramisu: as principais novidades da nova versão do sistema


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.